Top 3 – Trilha sonora de 2015

tumblr_l1e4noQ0UA1qbgopuo1_500

Sou movida a música, sempre! Mas sou do tipo de pessoa que não tem um estilo preferido ou uma banda que acompanhe por anos e anos com a mesma fidelidade. O meu gosto musical corresponde ao meu jeito de levar a vida, digamos assim kkkk. Não sou baladeira, nunca fui, prefiro mil vezes uma reunião de amigos com uma música de fundo, um barzinho de música ao vivo ou um rádio ligado enquanto faço qualquer coisa do meu dia. Tudo que tem muvuca demais (e som alto demais) me deixa estressada e sem vontade de curtir. Exceto por uma formatura ou casamento, claro. Me julguem, eu deixo.

Mesmo assim, preciso admitir que não vivo sem música. Se a bateria do meu MP4 acaba enquanto estou em plena viagem Blumenau/Itajaí, trajeto que faço toda semana há sete anos, fico sem chão; se estou sem fone de ouvido para trabalhar ouvindo um som, meu dia talvez não renda como deveria. Preciso de música para viver! haha

Em 2015, confesso que não variei tanto no que escutei. Para a minha rotina, que não foi nada fácil, optei por ouvir sempre os mesmos álbuns e as mesmas músicas que mexiam comigo naquele momento que estava passando. Assim, duas bandas e um cantor subiram no pódio das minhas preferências musicais e duraram os doze meses passados. Até mesmo a minha conta no Spotify apontou que esses três dominaram os meus ouvidos e não tiveram como disputar com ninguém mais.

Para deixar esse blog um pouco mais musical, resolvi compartilhar com vocês a minha trilha sonora de três artistas de 2015 (e que deve continuar a dominar meu mundo em 2016). Aumenta o som, DJ! 😀

1. Tiago Iorc. Tiaguinho lindo meu coração! Que homem, que voz, que doçura! Tiago, nossa recém descoberta brasileira, responsável por lindas aberturas de novelas globais nos últimos tempos, foi um dos meus calmantes em 2015. Quando tudo parecia que iria explodir, quando minha mente implorava por calma, era ao Tiago Iorc que eu recorria. Apertava o play e me deixava envolver por sua suavidade em cada estrofe. Obrigada, seu fofo!

2. Banda do Mar. O nome já diz tudo: mar. Se tem uma coisa que me faz feliz e que me transmite paz é o mar. Era assim que me sentia todas as vezes que deixava essa banda tão novinha, formada por Marcelo Camelo, Mallu Magalhães e Fred Ferreira, tomar conta do meu espaço e dos meus ouvidos. Ah, que delícia ouvir a Mallu cantar e toda a melodia tão docemente composta! Quase uma meditação. Seus lindos!

3. Florence and the Machine. Quando eu precisada de um pouco mais de agito, de velocidade, sem esquecer da docialidade (alguém me entende?), era para essa banda de indie rock britânica que eu pedia refúgio. Já conhecia algumas músicas esporádicas, mas em 2015 eu deixei que todas elas invadissem meu coração. Que banda! Que som! Que vontade de sair girando e dançando pelo mundo! Pelo amor de Deus, quero Florence para a vida inteira, todos os dias! Obrigada!

E para vocês, qual foi a trilha sonora de 2015?

Beijos,

Jornalista, mestranda em Educação e acadêmica de Letras, que ama loucamente as palavras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *