Resenhas

A elegância de um livro que toca

“Mas entendi muito cedo que uma vida se passa num tempinho à-toa, olhando para os adultos ao meu redor, tão apressados, tão estressados por causa do prazo de vencimento, tão ávidos de agora para não pensarem no amanhã… Mas, se tememos o amanhã, é porque não sabemos construir o presente e, quando não sabemos construir o presente, contamos que amanhã… Read more →

Era uma vez uma menina que amava livros…

“Era gostoso levar uma bebida quente para o quarto e deixá-la a seu lado enquanto lia quentinha, durante a tarde, na casa vazia. Os livros a transportavam para mundos novos e a apresentavam a pessoas diferentes, que viviam vidas incríveis. Matilda navegou veleiros antigos com Joseph Conrad. Foi para a África com Ernest Hemingway e para a Índia com Rudyard… Read more →

Vídeo – Lidos de maio

Sim, já estamos nos últimos dias de julho. Mas, antes tarde do que nunca, não é?!  A Jú gravou o vídeo sobre as leituras que ela fez em maio um pouco antes de embarcar para terras irlandesas, em junho, e só há pouco tempo que consegui um tempinho para editar. Então, aqui está! Foi um maio bastante produtivo para ela,… Read more →

Entre ficção e realidade

“Ou você acha que quando nos olhamos não reconhecemos no próximo o que em nós mesmos tentamos esconder?” Hoje venho aqui falar sobre um dos livros mais diferentes que li nos últimos tempos. Uma leitura que me prendeu do início ao fim e que me deixou encucada o tempo inteiro com a história. “Nove noites”, de Bernardo Carvalho, superou todas… Read more →

Mrs Dalloway – Um dia de história e dois meses de leitura

“Mrs. Dalloway disse que ela própria iria comprar as flores.” O título deste post já diz tudo, não é?! Quem nos acompanha nas redes sociais deve ter visto a minha saga para ler “Mrs. Dalloway”, de Virginia Woolf. Foi difícil essa leitura! Mais difícil, até, do que ler Clarice Lispector, apesar de as duas autoras terem estilos muito parecidos. “Mrs… Read more →

Nu, de botas

A nostalgia é sempre um bom recurso para conquistar as pessoas e é, com certeza, um dos trunfos de “Nu, de botas”, de Antônio Prata. Enquanto você lê as histórias da infância que ele decidiu contar no livro, é impossível não se lembrar de tudo que você, seus primos, vizinhos e amigos aprontaram quando eram pequenos. Alguns relatos são de… Read more →

Resenha – Cidade dos Ossos

Clary Fray é aparentemente uma garota normal do Brooklyn, Nova York. Porém, tudo muda quando ela e seu melhor amigo Simon resolvem ir a um clube chamado Pandemônio, onde Clary presencia algo sobrenatural: três adolescentes completamente estranhos prestes a matar um garoto. Entretanto, só ela consegue vê-los. Fray tenta , porém não consegue impedi-los de cometer o assassinato e fica… Read more →

Três livros sobre o holocausto

Fazia tempo que eu não resenhava algum livro aqui para o blog, mas isso muda hoje e ainda com um combo de três resenhas em um post só! Li esses três livros neste ano e, como todos falam sobre o sofrimento dos judeus durante a Segunda Guerra Mundial, achei que seria melhor eu juntar as três resenhas em um só post.… Read more →